Archive for the ‘China’ Category

The Longest Way: viajante alemão passa um ano viajando a pé pela china e registra tudo em vídeo

24 de janeiro de 2014 | Postado por Marina em Alemanha

Olá viajantes!

tudo bom?

Lembra do ano sabático do livro (e filme) : Comer,Rezar e amar? Passar um ano viajando não é mais uma novidade, mas Christoph Rehage soube inovar: dispensou aviões, ônibus, trens ou metrôs e, assim que chegou a Pequim, capital da China, decidiu andar somente a pé. Após mais de 4500 quilômetros, ele mostra o resultado de forma bem criativa em video!

A ideia inicial de Christoph era viajar a pé desde a China até à Alemanha mas as pernas não aguentaram. Por isso ficou pela China, desde Pequim até Ürümqi. Os momentos registrados em vídeo em que o alemão aparece em um avião ou barco devem-se ao fato de ele ter sido obrigado a interromper pontualmente a viagem pra tratar de assuntos legais (como o visto, que diz ter sido uma árdua tarefa).Vale a pena assistir ao resultado é só visitar o blog dele: http://www.thelongestway.com/

 

Bjs e até a próxima viagem,

Marina.

Intercâmbio para ensinar e aprender : Já pensou em ensinar inglês para crianças na China?

19 de julho de 2013 | Postado por Marina em China

Olá viajantes! tudo bom?

Achei esse programa incrível! O STB – Student Travel Bureau, traz para seu portfólio o Teach and Travel China. Regulamentado pelo governo chinês, o novo programa de estágios é voltado a jovens que desejam se desenvolver como professores e se aprofundar na cultura chinesa. Com duração de seis meses e início em janeiro e agosto de 2014, o programa já está com inscrições abertas.

No Teach and Travel China, o participante terá a oportunidade de aprender técnicas de ensino da língua inglesa para estrangeiros e atuar como Internship Teacher, ministrando aulas de inglês para crianças e jovens de escolas de várias regiões da China. Além disso, estudará mandarim e trocará experiências com a população local.

Segundo a gerente de Intercâmbios de Trabalho do STB, Rosana Lippi, esse programa é indicado para pessoas que queiram ampliar a experiência internacional, profissional e social e, com isso, enriquecer o currículo. “Os ganhos desse tipo de intercâmbio são inúmeros: crescimento pessoal, imersão em cultura diferente, possibilidade de praticar o inglês em ambientes formais e informais, e ainda transmitir um pouco da cultura ocidental à população chinesa”, afirma.

Com boa relação custo-benefício, uma vez que o participante terá remuneração mensal de RMB 2.000 (cerca de US$ 326), mais um bônus de RMB 2.500, caso cumpra o programa com sucesso, o Travel and Teach China oferece aulas semanais de mandarim, quarto compartilhado com outros professores em residência estudantil, café da manhã, almoço e jantar no refeitório da escola, além de ajudar a desenvolver competências como flexibilidade, capacidade de negociação e adaptação, que fazem a diferença para alcançar sucesso na carreira. A jornada de trabalho varia de 35 a 40 horas semanais, conforme a necessidade da escola.

Para participar, o interessado deve ter entre 19 e 45 anos, ensino médio completo com boas notas ou, preferencialmente, estar cursando graduação ou pós-graduação, e contar com nível de inglês avançado, atestado pelo STB. Além disso, deverá demonstrar independência, maturidade, sensibilidade cultural, vontade de  assimilar novas culturas, capacidade para lidar com desafios e comprovar que possui fundos para se manter durante o programa. Experiência de trabalho com crianças, em escolas e em viagens internacionais são pré-requisitos complementares. Continuar lendo

STB lança intercâmbio voluntário na China

07 de maio de 2013 | Postado por Marina em China

Olá viajantes! Tudo bom!?

Sou louca pra conhecer a China! Então, quando vi que o STB lançou este novo programa de Intercâmbio chamado <Volunteer Program China> fiquei ainda com mais vontade!

Regulamentado pelo governo chinês e criado em parceria com organização sem fins lucrativos que apoia o desenvolvimento de crianças deficientes visuais residentes em orfanato próximo a Pequim, o programa é voltado a jovens que desejam melhorar o mundo
por meio de suas atitudes e buscam uma experiência enriquecedora. Com duração de três meses e início em 30 de junho, 30 de setembro ou 30 de dezembro, o programa já está com inscrições abertas.

Segundo a gerente de Intercâmbios de Trabalho do STB, Rosana Lippi, programas de intercâmbio voluntário são dirigidos a pessoas independentes que procuram uma experiência de trabalho no exterior para desenvolvimento profissional e social e, com isso, enriquecer o currículo. “Os ganhos desse tipo de intercâmbio são inúmeros:crescimento pessoal, imersão cultural, possibilidade de praticar o inglês em ambientes formais e informais, e ainda transmitir um pouco da cultura ocidental à população chinesa”, afirma.

Além da boa relação custo x benefício, uma vez que o participante vai morar no alojamento do orfanato, localizado em uma fazenda autossustentável, a 30 km de Pequim, o Volunteer Program China oferece uma hora semanal de aula de mandarim, almoço e jantar, desenvolvimento de competências que fazem toda a diferença no mercado de trabalho: flexibilidade, capacidade de negociação e adaptação. Há ainda a oportunidade de fazer novos amigos de várias partes do mundo e de viajar pela China nos períodos de folga.

O participante será considerado um embaixador cultural e deverá encarar o programa com seriedade e responsabilidade e deve ter paixão pelo que faz. Pela manhã, ele dará aula de inglês para as crianças e à tarde vai  ajudá-las nas atividades do orfanato, como caminhada e passeio de bicicleta, além de colher ingredientes frescos para o jantar e cuidar dos animais. Durante a noite, deverá contar histórias, cantar e brincar com as crianças. Além disso, o voluntário ajudará na captação de recursos e patrocínios para o orfanato e organizará atividades  extracurriculares para os órfãos.

Rosana explica que as condições do trabalho voluntário são estabelecidas diretamente entre a organização estrangeira e o candidato, e este deverá seguir suas regras. “Portanto, recomendamos uma autorreflexão para que o candidato tenha certeza de que está entrando na experiência adequada a seus objetivos, pois cada participante tem uma vivência singular”, salienta a executiva.

Para participar, o interessado deve ter no mínimo 21 anos, ensino médio completo com boas notas ou, preferencialmente, estar cursando graduação ou pós-graduação, ou, ainda, ser recém-formado, e contar com nível de inglês intermediário ou avançado,atestado pelo STB. Além disso, deverá demonstrar maturidade, sensibilidade cultural, vontade de aprender novas culturas, capacidade para lidar com desafios e comprovar que possui fundos para se manter durante o programa.Também é desejável que o candidato tenha experiência de trabalho voluntário, com crianças, em escolas e em viagens internacionais.

Em relação à acomodação, o voluntário ficará em quarto compartilhado com outros participantes, que inclui cozinha, forno de micro-ondas, máquina de lavar roupas, acesso a internet wi-fi e telefone para receber ligações.

Mais informações: www.stb.com.br.

Vídeo: Você já pensou em trabalhar na China?

25 de outubro de 2011 | Postado por Marina em China

Hoje o nosso post vai ser em formato de vídeo! Batemos um papo com a intercambista Isabella Alliz que acabou de chegar de um Intercâmbio de 5 meses em Beiging (ou Pequim) na China! Como sempre recebo perguntas sobre as oportunidades neste país, esta é a melhor oportunidade de conhecer um pouco mais sobre este destino!

Quer saber mais sobre o Intercâmbio que a Isabella fez? Então pode reler o post Internship China

Dúvidas ou perguntas para a Bella?! Podem comentar aqui que a gente responde!!

Bjs e até a próxima viagem!

Marina.

Mickey faz negócio da China: Disney fecha acordo para parque temático em Xangai

16 de novembro de 2010 | Postado por Marina em China

A Walt Disney Co assinou um acordo com uma empresa de Xangai para construir um parque temático da Disneylândia na cidade.

O acordo foi fechado com o Shanghai Shendi Group, especialmente criado para o desenvolvimento do projeto da Disneylândia, informou a agência de notícias oficial Xinhua.

A Disney buscava havia muito tempo construir o parque em Xangai, uma cidade rica, com aproximadamente 20 milhões de habitantes e rodeada pelo próspero delta do Rio Iangtsé, região de moradia de dezenas de milhões de potenciais visitantes.

A Disney  afirmou que  está apenas esperando a aprovação final do governo central da China sobre a incorporação das empresas da joint-venture e a finalização dos procedimentos regulatórios para iniciacao do projeto.

Falando nisso…estudar na China tem ficado cada vez mais usual, algumas escolas como a Mandarim House e a Eurocentres tem centros por lá e são excelentes opções para quem pretende aprender ou aperfeiçoar este idioma que, dizem os especialistas, será o terceiro idioma mais estratégico do mundo dos negócios,vindo logo depois do inglês e o espanhol.

Pois é,  geração Y, foco no chinês e, é esperar para ver! 

Tá pensando em estudar chinês em Xangai?

Acesse já o site desta escola: http://www.mandarinhouse.cn/, no Brasil, ela é representada pelo STB (www.stb.com.br)

Bjs e até a próxima viagem!

Marina.

Você já pensou em trabalhar na China?

02 de agosto de 2010 | Postado por Marina em China

Para começar, se você se animou com a idéia, esta proposta de intercâmbio não requer conhecimento do chinês, apenas o inglês já é suficiente e, com certeza, ter uma experiência na Ásia vai tornar o seu currículo mais do que diferenciado.

Tem interesse na China mas não tem idéia do que vai encontrar? recomendo a leitura do livro Ping Pong – Chinês por um mês do jornalista Felipe Machado! Eu li e adorei! Ele passou 30 dias em Beijing e conta com muito bom humor como foi a experiência dele por lá!

Agora vamos ao Intercâmbio:  O Internship China é um programa de estágios e trainee remunerados oferecido pelo STB  para que profissionais e estudantes com experiência, fluentes em Inglês, tenham a oportunidade de vivenciar o mercado de trabalho e atuar na economia que mais cresce no mundo, além de descobrir sua cultura milenar, idioma e conhecer um país surpreendente.

Há posições de trabalho em diversas áreas, tais como: Administração de Empresas, Relações Internacionais, Marketing, Trade Marketing, Publicidade e Propaganda, Tradução, Informática,Educação Física, Turismo, Hotelaria, Arquitetura, Finanças e Economia, Design, Moda, entre outros.

Foto: Bandeira chinesa com a cidade de  Shanghai ao fundo.

 As vagas oferecidas estão disponíveis no site www.neinternship.com.

Tipo de Visto: É necessário o Visto “ F” Business Visa, possibilita realizar estágios na China de 3 ou 6 meses.

 O tempo médio de requisição do visto nos consulados e embaixada chinesas é de uma semana. O visto “F” permite que o participante estude mandarim durante todo o período do programa.

Benefícios do programa:

Vivenciar uma nova cultura; Diferenciar o currículo;Adquirir experiência internacional na área profissional e/ou acadêmica;Conhecer e atuar no maior mercado emergente do planeta; Internship Certificate emitido pela organização/Empresa.

Pré-requisitos:Idade mínima 18 anos (não há limite de idade, na China eles valorizam a experiência e docandidato); Inglês Fluente – Organização pode solicitar entrevista de perfil/nível de inglês por telefone;Ser independente ou estar disposto a se tornar;Ser flexível a novas culturas e costumes;Possuir experiência anterior na área escolhida;Comprovar que possui fundos para se manter durante o período do programa.Deve ser estudante de curso superior ou ser formado.

Locais de colocação:A maioria das vagas são em grandes cidades chinesas como Beijing.Lembre-se que, dependendo da área, o estágio poderá ser realizado nos arredores das cidades.

 Duração: 3 ou 6 meses. O estudante tem a possibilidade de pedir extensão do visto por outros 6 meses quando estiver na China.

Posições: o programa não oferece “non-skilled positions”, ou seja posições operacionais sem exigência de experiência acadêmica ou de mercado comprovadas. O candidato atuará na sua área de formação ou carreira. Os empregadores dão preferência aos candidatos com mais experiência.

Olha só nossa Gisele na Vogue chinesa!

Jornada de estágio: Media 45 horas semanais, de acordo com a demanda do empregador. Não há garantia de número de horas por semana.

 Investimento Programa:

3 Meses USD 908.00

6 Meses USD 1398.00

Taxa de atendimento STB: R$ 215,00

O que está incluso neste valor?

  a) Testes, entrevistas e orientação do STB no processo

b) Intermediação entre candidato e organização/empresa para colocação inicial

c) Airport Pick-up na China

d) Suporte no Brasil e na China

e) Internship Certificate

f) Welcome Kit (Camiseta, Guia do participante e catálogo turístico)

g) Welcome Meeting

h) VTM (Vista Travel Money)

Custos extras:

 a) Acomodação : os custos são de responsabilidade do participante. A organização chinesa oferece hotel próprio (Hotel N.E Courtyard – www.necourtyard.com). Caso o participante prefira, pode organizar sua própria acomodação. Hotel N.E Courtyard: USD 399/mês**Valor válido apenas para reservas feitas para o primeiro mês. Após esse período se o candidato desejar ficar no hotel o valor mensal é de aproximadamente RMB 4000,00 – pago diretamente para o hotel.

 b) Despesas com visto

c) Passagem aérea

d) Transporte local

e) Acomodação

f) Alimentação

g) Despesas pessoais

h) Seguro médico

E isto aí pessoal, espero que tenham gostado desta opção! Eu achei excelente, com certeza, se eu pudesse, hoje ,sair por 3 meses do Brasil faria este intercâmbio pois acho que conhecer melhor a China é o futuro e, os jovens não podem ficar fora disto! 

Bom, e, além de todos os benefícios que já falei, você ainda vai poder conhecer estas fofurinhas de perto! Que tal?

Bjs e até a próxima viagem!

Marina