Warning: ob_start(): non-static method wpGoogleAnalytics::get_links() should not be called statically in /home/intercam/public_html/wp-content/plugins/wp-google-analytics/wp-google-analytics.php on line 259
Marina Motta | Blog do intercambio - Intercâmbio de A a Z por Marina Motta - Part 29

Posts com a tag marina motta

3 STEPS FOR SUCCESS: INTERCÂMBIO E O TRIPÉ DA CHEGADA, ROTINA E DESPEDIDA.

14 de maio de 2011 | Postado por Marina em Dicas de Viagem

Morar no exterior é sempre uma decisão interessante e corajosa. Porém, enquanto algumas pessoas se adaptam facilmente a esta nova vida, outras podem passar por um tripé de fases bastante comuns a muitos intercambistas independentemente do lugar de destino.  Pensando nisso, seguem aqui as três fases marcantes da vivência Internacional:

 1. As primeiras semanas: Tão logo chegamos ao exterior, tudo é emocionante, agitado, novo e desconhecido. E, é neste momento que começamos a conhecer o transporte público local, os melhores caminhos para a escola ou trabalho, seja de ônibus, metrô, bicicleta etc. Durante os primeiros dias, quando você provavelmente estará ainda um pouco perdido, com certeza já fará suas primeiras amizades e, superadas todas essas primeiras dificuldades, você finalmente entrará em uma rotina.

2. A rotina: Passado um tempo, tudo fica menos agitado, mas isso não quer dizer menos divertido ou menos emocionante. Agora já se sabe como encurtar os caminhos, sobra tempo para comprar um pão na padaria preferida, sem a preocupação de chegar atrasado na aula. Os melhores bares e baladas são descobertos, os encontros para práticas de esportes já fazem parte do dia a dia e já se sabe onde encontrar as informações sobre teatro, cinema e shows. Tem-se também, finalmente, tempo para se concentrar nos estudos. Claro que com a rotina acaba sobrando mais tempo para sentir saudade da família, dos amigos do seu país. Porém, com a ajuda de amigos e colegas, se supera isso e outras adversidades.

3. Despedida e Conclusão: Muitas vezes, o final desse período acaba mais rápido do que o esperado. O tempo voa. E, o momento é de refletir, mais uma vez, sobre tudo o que se passou.  O que aprendeu no tempo em que fez o curso, estudou ou trabalhou. Muitas amizades, algumas permanecerão para toda a vida, outras talvez não. Chegou o momento de se preocupar com aspectos burocráticos como o diploma e a viagem de volta. Finalmente, chegou o momento da despedida. As malas estão feitas e você está pronto para regressar ao Brasil. Às vezes, a despedida é fácil; às vezes, não é – os sentimentos se misturam muito nesse momento. A dor da despedida é compensada pela alegria antecipada de voltar a ver a família e os amigos logo.

Mesmo passando por fases distintas e momentos felizes, tristes, divertidos, difíceis etc, ao longo da permanência no exterior, às vezes, você pensará: “Eu desisto! Quero voltar pra casa!”, mas uma voz interior que sabe que vale a pena esperar, lhe convence a seguir em frente porque, no fundo você já sabe que a experiência obtida no exterior recompensa todas as fases difíceis e a saudade que aperta de vez em quando….

Além disso, uma estadia no exterior valoriza o currículo, abre portas para novas oportunidades profissionais, e permite que você conheça novas culturas, amplie vivências e faça novas amizades. Enfim, várias novas oportunidades podem surgir no embalo de uma vivência internacional.

E, às vezes, mais do que de repente, logo depois de ter voltado para casa e de ter se readaptado a sua rotina no Brasil, você já se começa a pensar novamente em viajar: Por que será?! 

Acho que porque parece que quando somos “mordidos por estes bichinhos da viagem e da curiosidade” é mesmo difícil não querer vivenciar tudo isto de novo.

Aí, é pensar que você ainda é jovem, a vida é longa e terão outros intercâmbios, outras experiências, dificuldades e alegrias que, novamente deixarão aquele gostinho de quero mais… 

Bjs e até a próxima viagem,

Marina.

Aproveite as férias para turbinar o Currículo!

05 de maio de 2011 | Postado por Marina em Intercâmbio de A a Z

Se você quer aproveitar estas férias de julho para aperfeiçoar seus conhecimentos em inglês, espanhol ou francês, saiba que ainda dá tempo! Seguem aqui algumas sugestões:

ESTADOS UNIDOS
 Escola/Centro  INTRAX INTERNATIONAL INSTITUTE/San Diego
 Tipo de curso  Business English (Inglês para negócios)
 Data de inicio  04/07/2011
 Duração do curso / Carga horária  4 Semanas – 20 Lessons/week
 Tipo de acomodação / Quarto Casa de família com quarto individual
 Plano de refeições Meia Pensão
Pacote   USD 2.420,00 ( ou, em 12 x fixas no cartão)
ARGENTINA
Escola/Centro  COINED/Buenos Aires
 Tipo de curso  Espanhol
 Data de inicio  04/07/2011
 Duração do curso / Carga horária  4 Semanas – 20 Lessons/week
 Tipo de acomodação / Quarto Apartamento compartilhado com outros estudantes (quarto duplo)
 Plano de refeições Sem refeições
Pacote: USD 1.605,00 (ou, em 12x fixas no cartão)
FRANÇA
 Escola/Centro  EUROCENTRES/Paris
 Tipo de curso  Francês
 Data de inicio  04/07/2011
 Duração do curso / Carga horária  4 Semanas – 20 Lessons/week
 Tipo de acomodação / Quarto  Host Family – Single Room (Casa de família, quarto individual)
 Plano de refeições Café da manha incluso
Pacote   EUR 2.294,00 ( ou em 12x fixas no cartão)
INGLATERRA
Escola/Centro  EUROCENTRES/Londres
 Tipo de curso Inglês
 Data de inicio  04/07/2011
 Duração do curso / Carga horária  4 Semanas – 20 Lessons/week
 Tipo de acomodação / Quarto  Host Family – Single Room (Casa de família, quarto individual)
 Plano de refeições Café da manha incluso
Pacote   GBP 1.252,00 (Ou em 12x fixas no cartão)

EM TEMPO: Colaborei com a matéria APROVEITE AS FÉRIAS PARA TURBINAR O CURRÍCULO do jornalista Tércio Amaral no Jornal Diário de Pernambuco deste Domingo.Parabéns pela matéria Tércio!

 

Quer mais informações,  ligue: (81) 2123-4522 ou acesse: www.stb.com.br

Bjs e até a próxima viagem!

Marina.

William já era! mas, sempre haverá Londres! TOP 5 Dicas de baladas, compras e cultura na capital Inglesa.

26 de abril de 2011 | Postado por Marina em Inglaterra

Aproveitando  que nesta semana, os olhos do mundo estão voltados para a união Real do príncipe William com Katie Middleton. Evento que vai acontecer nesta sexta-feira na abadia de Westminster (um dos cartões postais da capital inglesa), vamos falar um pouco deste destino:

A Inglaterra é definitivamente um MUST SEE & LIVE do MUNDO e vamos combinar que Londres é a cidade mais apaixonante deste cenário. Pensando nisso, seguem abaixo TOP 5 dicas dos MUST SEE & LIVE – LONDON:

1) Como não pensar em Inglaterra sem lembrar de música?! E, os Pubs e bares de Londres são uma atração à parte: Experimente os: Eclipse, ProudCamdem, Waxy O´Connor´s, Fifty Five Bar & Lounge, o Skretch, a rede Wetherspoon para um tradicional Pub inglês e o Café 1001 para ter um mix de restaurante, lounge e balada.

2) Depois do “esquenta”, uma balada pode ser uma boa pedida, então não deixe de conferir os: The Roxy, The Church, o Koko e o famoso Ministry of Sound.

3) Ok, nem só de baladas vive um jovem, um pouco de cultura é necessário, sinta-se então cult & cool no Tate Modern, ou na Saatchi Gallery e visite também os tradicionais British Museum e o Madame Tussauds – museu de cera com suas reproduções perfeitas das celebridades.

4) Comprar um pouquinho é bom, pois ninguém é de ferro, não é?! Principalmente se for bom, bonito e barato, sendo assim, não deixe de visitar a Primark e a H&M para pechinchas de roupas de acessórios fora de séria. Para eletrônicos, visite a Tottenham Court Road e para livros e Cd´s não abra mão da loja Fopp no bairro de Convent Garden.

5) Quer apenas bater perna e sentir-se  um londrino (a) de verdade? Então não deixe de ir ao mercado de Portobello Road e o Broadway Market. Depois, impressione-se com as esquisitices e excentricidades de Camdem Town ou com o jeito descolado e jovem do bairro Convent Garden.

Chegou a Londres e quer saber o que está rolando na cidade?! Não deixe de conferir a revista Time Out e não perca nenhuma atração do momento!

Bjs e até a próxima viagem!

Marina.

10 Razões para você fazer um Intercâmbio em Vancouver

28 de março de 2011 | Postado por Marina em Canada

Vancouver já foi eleita por várias vezes a cidade com melhor qualidade de vida do planeta e, fazer um intercâmbio com vista para o pacífico, com uma das temperaturas mais amenas do Canadá (no inverno, é bem menos frio que outras cidades como Toronto ou Montreal) é mesmo um privilégio. Principalmente, porque mesmo sem passar tanto frio na cidade, dá para aproveitar o melhor do inverno esquiando ou praticando snowboard nas várias montanhas ao redor da cidade (muitas delas localizadas apenas 40 minutos do centro da cidade) e, além disso, usufruir das árvores do Stanley Park, das montanhas de tirar o fôlego e de uma variedade gastronomica internacional de altíssima qualidade.

Existem várias escolas de idioma excelentes que estão localizadas no centro de Vancouver. Além disso, também tem ótimas escolas de High School (colegial) em bairros como North Vancouver, Burnaby ou West Vancouver.

Estudei por três meses na PLI (Pacific Language Institute) e fiz um curso de inglês para negócios no centro da cidade. Morei em uma casa de família em North Vancouver e todos os dias eu ia para escola de ônibus e chegava ao centro em 40 minutos.

Depois da aula, sempre ficava por ali pela Robson Street dando uma passeada, vendo as lojas ou comendo um crepe antes de voltar para casa no início da noite para jantar com a família e depois decidir se sairia ou não à noite.

Já nos finais de semana eu fazia atividades mais diurnas, sempre uma coisa diferente, além de ter esquiado muito, também fiz outros passeios bem legais que recomendo a quem for estudar por lá. Além da PLI (que foi a escola que eu estudei) recomendo também outras escolas  muito boas como: a  LSC, a ILSC e o Eurocentres.

Independente da escola escolhida e do tipo de programa (high school, curso ou estágio/trabalho), abaixo seguem os TOP 10 motivos que fazem de Vancouver uma cidade mais do que especial para fazer um Intercâmbio:

1. Vancouver no ar: Quando estiver pousando na cidade, não deixe de olhar pela janela, Vancouver impressiona pela beleza como quando estamos chegando ao Rio de Janeiro. “É bonita é bonita e é bonita….viveerrrr e não ter a vergonha de ser feliz….cantar e cantar e cantar a beleza de ser um eterno aprendiz (de viajante)…

2. Vancouver no mar: Vários cruzeiros passam por Vancouver! O Convention Centre/Cruise Terminal no harbour front tem vistas lindas do Stanley Park Grouse Mountain e do mar do pacífico.

3. Vancouver de bicicleta ou patins: Outra forma deliciosa de passear por Vancouver é pelo False Creek, da English Bay a Stanley Park e depois dentro de todo o parque (cerca de 20 km).

4.  Stanley Park. O parque tem praias, árvores, lagos e várias trilhas, além disso, vale fazer uma visita ao aquário de Vancouver e ver as orcas e as baleias. Impressionante!

5. Grouse Mountain e Capilano: Além de ser maravilhoso para esquiar, tem uma vista fenomenal da cidade, da ilha de Vancouver e do Stanley Park. No caminho pela ponte Lions Gate pare em Capilano e não deixe de fazer o passeio da ponte suspensa de capilano (Capilano Suspension Bridge).

 

6.  Downtown Vancouver. O centro de Vancouver é bem compacto e pode ser feito a pé. Eu recomendo o Heritage Walking tour, mas você pode ir por conta própria e visitar o bairro de o Gastown (e seu famoso relógio), Chinatown ou as mansões de Shaughnessy. Ah, para comer por lá, adoro o “The Old Spaghetti Factory: preço e serviço bom e comida deliciosa.

7. Creek Ferry ou Aquabus para Granville Island: Você vai encontrar artesanatos, lojas e o famoso mercado com muitos frutos do mar frescos.

8. Whisler. Whistler Blackcomb é a maior estação de esqui da América do Norte e fica localizada cerca de 2h de Vancouver. Além de boas pistas e restaurantes, à noite tem várias baladinhas cheias de gente bonita.

 

9.  Vancouver Island. Pegue um ferry de Tsawwassen para Swartz Bay que fica perto de Victoria, a capital da província de BC (British Columbia). Além de o caminho ser muito bonito, muitas vezes você tem a companhia de baleias no seu trajeto. Vancouver Island fica cerca de 2h de ferry do centro de Vancouver. Ao chegar a Victoria, visite o Hotel Empress, e o charmoso Butchart Gardens.

 

10.  Frutos do mar mais frescos do mundo. A influência da imigração oriental é fortíssima em Vancouver, por esta razão talvez a cidade tenha uma das maiores variedades de restaurantes japoneses e chineses fora da Ásia. Alem da grande variedade ofertada que merece ser degustada, não deixe de provar o sashimi de atum que é super saboroso.

Então pessoal, é isso!

Espero que tenham gostado de conhecer um pouco mais sobre Vancouver!

 Bjs e até a próxima viagem!

Marina.

ESQUIAR É TUDO QUE HÁ! TOP 10 DICAS PARA NÃO VIRAR BONECO DE NEVE EM SUA “PRÓXIMA AVENTURA NEVADA” POR AÍ!

02 de fevereiro de 2011 | Postado por Marina em Dicas de Viagem

Esta semana estou arrumando as minhas malas para fazer uma coisinha que eu nem gosto de fazer – kkk – Viajar!

 A partir de amanha, vou tirar 10 dias de férias e esquiar em uma estação de esqui na França chamada Courchevel (www.courchevel.com) – Mal posso esperar para esquiar (adoro!) e comer todas aquelas coisas deliciosas da França: chocolates, queijos, crepes e vinhos maravilhosos!

Estive em Courchevel a primeira vez aos 9 anos e, foi lá que meu pai me ensinou a esquiar, então, além de ser o maior domínio esquiável do mundo, Courchevel também é um lugar que sempre me traz lembranças especiais de viagens em família. Depois desta viagem, também esquiei algumas vezes em Las Leñas, Argentina (A maior estação de esqui da América Latina) e em Whistler, Canadá (A maior estação de esqui da América do Norte) recomendo demais estas outras estações mas, Courchevel é realmente diferenciado e único para mim.

Pois bem. Não importa se você vai esquiar na França, Suíça, Áustria, EUA, Canadá, Argentina ou Chile.  Os cuidados são sempre os mesmos então, abaixo fiz uma lista das TOP 10 coisas que você não pode deixar de providenciar para não virar um boneco de neve na sua próxima “aventura nevada” de por aí!
​1. Roupas impermeáveis específicas de esqui e roupas de tecidos térmicos que secam rápido e que você pode lavar e deixar em cima do aquecedor e, no dia seguinte ela vai estar sequinha para você usar de novo. Ou coisa importantíssima: Meias de lã específicas para esquiar – Meias de algodão molham e deixar os pés com sensação de congelados ao final do dia.

​2. Não se esqueça de verificar se a sua assistência médica Internacional tem cobertura para esportes radicais. Alguns seguros têm a opção de você comprar este adicional. Eu sempre faço o ISIS Plus (www.isisbrasil.com.br) e ele sempre funciona super bem nestes casos.

 3. Protetor solar, labial e óculos escuros. Não se engane: o frio queima e, tem dias lindos de sol na montanha então não dá para esquecer este trio de sucesso!

​4. Creme hidratante – Na neve este item não é só “coisa de mulher” é uma necessidade. A pele fica muito seca e em alguns casos,  pode  até rachar.

​5. Garrafa de água sempre! Em grandes altitudes, a necessidade de água é ainda maior –  Beba muita água para evitar desidratação e dores de cabeça.
​6. Quando não estiver esquiando, use sapatos adequados. Nosso tenis de correr não são a melhor opção neste caso, pois,  os mais modernos, possuem sistema de ventilação e, esta é a última coisa que você vai querer quando a temperatura estiver bem abaixo de zero! Então, opte por uma bota bem fofinha e confortável.

​7. Après ski clothes – Não se engane! Estações de esqui são super animadas e cheias de gente jovem e bonita em bares e baladinhas espertas que podem rolar até bem tarde. Não deixe de levar roupas estilosas, pois, quando estiver em lugares fechados e com aquecimento, você vai tirar o seu casaco bem quente e vai poder tomar um bom vinho e dançar com mais estilo e conforto!
​8. Snacks – Tenha sempre consigo lanchinhos como barrinhas de cereal ou de proteína, chocolates, mini- sanduiches, frutas secas ou biscoitos. Quando estamos subindo nos “lifts” (também chamados de “cadeirinhas ou “ovinhos”) pode dar uma “fominha básica meio fora de hora” então, é sempre bom estar preparado(a)! Ah, saiba que os restaurantes da montanha também são ótimos mas, muitas vezes a neve está tão boa que a gente não quer mesmo parar para comer, por isto, um lanchinho no bolso resolve rapidamente o nosso problema sobrando, assim, mais tempo para esquiar!


​9. Cada mergulho é um flash (Bikini  ou Calção de banho): Muitos hotéis  têm piscina e, relaxar em uma jacuzzi ou piscina aquecida é tudo que você vai querer depois de alguns tombos e quedas ao longo do dia.

​10. Remédios e pomadas para dor muscular – Sim você pode, eventualmente, cair alguma (ou algumas) vezes então, nada de dramas, estando medicado adequadamente você segura melhor a onda – Afinal, não seesqueça que, à noite tem baladinha “aprés esqui”!


Então gente, espero que tenham gostado das dicas!

Bjs e até a próxima viagem!

Marina.

Marina

Ranking das Top 7 cias aéreas + seguras do mundo!

27 de janeiro de 2011 | Postado por Marina em Dicas de Viagem

Ranking anual realizado pela instituição alemã Jet Airliner Crash Data Evaluation Center (Jacdec) e publicado pela revista Aero International neste mês traz a classificação das 60 maiores empresas de aviação civil do mundo. A pesquisa cria um índice baseado no número de acidentes (considerando mortes e perda de aeronaves) e na quantidade de passageiros transportados por quilômetro rodado durante os últimos 30 anos. Nas primeiras sete posições estão empresas que não registraram nenhum acidente grave nos últimos 30 anos. São elas (do 1º ao 7º lugar): Qantas, Finnair, Air New Zealand, TAP Portugal, Cathay Pacific, All Nippon e Air Berlin.

Foto da Australiana Qantas sobrevoando a cidade de Sydney. Como se nós já não tivéssemos motivos de sobra para visitar a Austrália não éh?!

Bjs e até a próxima viagem!
Marina.

Você sabe o que é Serendipidade?!

23 de novembro de 2010 | Postado por Marina em Intercâmbio de A a Z

Oi gente!

Tudo bom?!

Estes dias “baixou o espírito poético” em mim e escrevi um texto que, posteriormente, transformei em um vídeo com algumas fotos e imagens para compartilhar com vocês –  leitores e amigos!

Cliquem no link abaixo para visualizar e depois me digam o que acharam!

 Suprema felicidade: Viagem e Serendipidade

Bjs e até a próxima viagem!

Marina.

Página 29 de 29« Primeira...1020...2526272829