No visa required:Quem tem mais liberdade para viajar?

26 de agosto de 2010 | Postado por Marina em Curiosidades Culturais pelo Mundo

 Uma querida leitora chamada Andréa, me enviou este gráfico do The Economist ( importante publicação britânica)  que mostra a habilidade de cada nacionalidade de viajar sem visto pelo mundo afora….Achei interessante e pensei que merecia um post!

Sempre achei que o nosso passaporte brasileiro (ex-verdinho e agora azulzinho) estava “bom para o gasto”. afinal, só de poder circular a Europa toda sem visto e de poder permanecer por lá por até 90 dias, já émaravilhoso, fora isto, também não precisamos de visto para Nova Zelândia, a África do Sul, a Tailândia, a Indonésia, e mais recentemente, a Rússia portanto, nada mal para uma nação de “ordem e progresso” em “vias de desenvolvimento”…

Tá bom, é verdade que poderíamos sim (quem sabe em um futuro próximo, espero! 🙂  ter isenção de visto para  países como EUA, Canadá e Austrália, por exemplo mas, a verdade é que  precisamos  mesmo celebrar o que temos e não reclamar do que não temos….(ainda)…

Acho importante citar que esta permissão de entrada sem visto é baseada, principalmente, em acordo bilaterais entre países e, também, no fato do país ser considerado pacífico, com economia estável e ter respeito aos direitos humanos e a democracia.

Então, neste gráfico abaixo que mostra a situação de vários  países do mundo…podemos ver que até que não estamos tão mal….comparem, por exemplo, ao caso dos Chineses… ninguém merece, né?!

Certa vez, uma amiga de Bali, na Indonésia,  me falou que ela precisava tirar visto para todo e cada país da Europa..Imaginem passar por isto se você pretende dar um giro por uns 10 países europeus? Um horror, né?!

Esta semana estava pensando no caso dos cubanos… Imaginem  só que Intercâmbio não existe por lá…..Eles simplesmente não podem sair da ilha de Fidel… Passou no Vestibular, quer fazer um mochilão pela Europa para comemorar? Casou? Quer viajar na Lua de Mel para o Tahiti? Tem vontade de aprender outra língua no país onde ele é falado? ou, de ter uma experiência de trabalhar no exterior?Nada disso é possível sendo cubano…. 

Até já tive vontade de conhecer Cuba, mas, acho que deve ser realmente muito triste ver as pessoas “presas” ser liberdade de ir e vir. Isto, para mim é inimaginável, inconcebível…

Se pensarmos até mesmo na época da ditadura no Brasil, quem não concordava e tentava lutar por seus ideais sofria coisas horríveis, no entanto, se a pessoa quisesse “fugir ” ainda poderia ser exilado em países como a França, por exemplo…

Então, realmente, não sei mesmo se um dia irei a Cuba… Acho muito louco isto do governo  não permitir que as pessoas circulem e conheçam outros mundos, outras culturas e possam optar ou não por morar alí no lugar onde nasceram mas não, necessariamente, pretendem viver e morrer….

Portanto, fica aqui a mensagem para que você aproveite para viajar enquanto pode….com esta novidade do Brasil de restringir humor e liberdade de imprensa….sabe lá aonde isto pode dar….É isto aí pessoal, foi só um pensamento “neo-político-liberal e filosófico” (kkkkk) do nosso blog Intercâmbio de A a Z para incentivar vocês a VIAJAREM MUUUUITO!  SEEEEMPRE e  todas as vezes que puderem….

No próximo blog, falaremos sobre cursos nas universidades da Califórnia onde você vai poder “viver a vida sobre as ondas ou ser artista de cinema” você não perde por esperar! 🙂

Bjs e até a próxima viagem!Marina.

  1. Marina, acompanho seu blog, e adoro!
    Tenho uma pergunta, que seu post não me esclareceu, pq não quer viajar a Cuba?


  2. Olá, achei o seu site no google, e também já tinha visto a sua entrevista no programa do Jô, achei bastante interessante seus posts sobre diversos lugares, dicas e experiências. Eu tenho um blog que iniciei agora, devido a minha viagem que vou fazer intercâmbio para o canada!
    Quando quiser visitar: http://www.thacury.wordpress.com

    Acompanharei seus posts! Está adicionada nos meus links tbm!

    Abraços, Thaísa.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *