Marina Motta

Nova Iorque tem arte por toda parte (e cursos dos mais diversos). Vem ver!

26 de janeiro de 2015 | Postado por Marina em EUA

Pensando em viajar para Nova Iorque? Tema de músicas inesquecíveis, a Big Apple, New York,  ou “cidade que nunca dorme” abriga milhares de estrangeiros do mundo todo e é considerada uma verdadeira “melting pot”, uma expressão americana que descreve perfeitamente esse misto de culturas. Enfim, todo mundo encontra seu lugar e “se encaixa” na cidade, principalmente se a sua intenção é estudar por lá.

Saiba que é possível combinar o idioma inglês com aulas de moda e conhecer as previsões e tendências do mercado com profissionais da área, além de explorar o campo criativo da moda e observar como estilistas preparam modelos para fotos de revistas, catálogos e TV.

Que tal aprender a dançar hip hop, jazz, street dance e balet a alguns passos da Broadway? Ou desenvolver habilidades musicais,
ou imergir num curso intensivo de cinema que permite ao aluno escrever, filmar, dirigir e editar projetos de curta-metragem, ou ainda interpretar sem precisar de experiência na área?

Qual mulher não gostaria de poder se maquiar melhor? Na Big Apple também é possível realizar workshops de maquiagem nos
quais o estudante tem a possibilidade de praticar aplicações e se aprofundar em assuntos como teoria da cor, iluminação, contorno e técnicas de uso do corretivo.

E por fim, para registrar como você ficou linda, nada melhor do que desenvolver habilidades fotográficas sob a chancela de renomados tutores em cursos que vão desde fotografia digital (uma semana), fotos com filme em preto e branco (quatro semanas), registro de imagens no iPhone e viajando por Nova Iorque (quatro semanas). Nesta última modalidade, o aluno explora e registra diferentes etnias e vizinhanças novaiorquinas com um profissional do fotojornalismo.

Confira abaixo mais informações sobre os cursos  mais procurados pela Big Apple: Continuar lendo

Em 2015, Intercâmbio e Amazônia tem tudo a ver! Vem saber o por quê!

06 de janeiro de 2015 | Postado por Marina em Dicas de Viagem

Olá viajantes!

Feliz 2015! Tudo bom?

Você deve estar pensando: “era só o que faltava, o blog é sobre intercâmbio e lá vem Marina falar de Amazônia que está bem aqui no Brasil!” kkkk, antes que você ache que o blog mudou de rumo, explico,  recentemente tive o privilégio de conhecer a Amazonia brasileira! Tamanho foi o meu encantamento e não me impressionei ao me deparar com a informação de que o site
TripAdvisor acaba de anunciar os vencedores do Travelers’ Choice™ – Destinos em Alta para 2015, prêmio que reconhece as cidades do mundo com o maior aumento de interesse e avaliações positivas ao longo do ano. Na lista aparecem
destinos dos EUA, América do Sul, Ásia, Europa e Pacífico Sul, com destaque para Manaus, única Sul-Americana do ranking e porta de entrada para explorar a Amazonia brasileira.

Confira a lista Travelers’ Choice – Destinos em Alta: Mundo

1. Da Nang, Vietnã

2. Sihanoukville, Camboja

3. Limassol, Chipre

4. Ao Nang, Tailândia

5. Bodrum, Turquia

6. Naha, Japão

7. Hurghada, Egito

8. Kazan, Rússia

9. Manaus, Brazil

10. Eilat, Israel

E você vai me perguntar de novo, sim, mas qual é a relação disso com Intercâmbio? É a seguinte: quando você for morar um tempo fora e lhe perguntarem da onde você é, quando você responder que é “brazilian” com a aquele sorriso de orgulho existem grandes chances da próxima pergunta ser:

- Você sabe dançar samba?  (check!)

- Você já foi ao Rio de Janeiro no Carnanval? (check!)

-  Você conhece a Amazônia? (Rá! acabei de dar finalmente um check neste e deixar de responder com sorriso amarelo! – no, never been there! Agora, é ” Amanzon, yes, of course”! kkkk )

Consegui te convencer? kkk Então, vamos saber mais dessa aventura super exótica dentro do nosso prório país? Sigam me os bons!

Partindo de Recife, os trajetos menos cansativos são os de uma escala e neste caso, pode-se optar por Fortaleza ou Brasília. Minha ida foi Recife/Fortaleza/Manaus e minha volta foi Manaus/Brasilia/Recife entre tempo de voo de conexões o trajeto ficou em média de 6 horas. Os voos não são baratos, com certeza você vai encontrar promoções de ocasião para destinos no Chile ou Argentina por preços mais em conta. Mas vai por mim, se puder resistir a tentação de viajar mais barato para o exterior e ficar na Amazonia desta vez você não vai se arrepender. Três dias inteiros é um tempo mínimo para ficar lá, se você quiser fazer tudo com calma. No entanto, se a ideia é combinar com uns dias em um eco-lodge no meio da selva, uma boa média é uma semana. Continuar lendo

TOP 10 experiências de viagem que marcaram a minha vida!

22 de dezembro de 2014 | Postado por Marina em Dicas de Viagem

Olá viajantes!

Tudo bom?

Não sei para vocês mas para mim, o  mês de dezembro é sempre um convite a reflexão. Penso no que realizei, no que ainda quero realizar e isso, claro, inclui sempre viagens! Este final de semana, para escrever o ultimo post de 2014, estava pensando não nos lugares mais marcantes que estive  especificamente neste ano mas sim em toda a minha vida. Foi aí que nasceu o post TOP 10 experiências de viagem que marcaram a minha vida, vamos a elas?

1)   Ver neve pela primeira vez quando criança e ter aprendido a esquiar no maior domínio esquiável do Mundo no Les Trois Vallees na França. Milhares de pistas do iniciante ao avançado, restaurantes estrelados, gente bonita e a
neve das melhores sendo que com uma temperatura de frio suportável. Seu próximo destino será para esquiar? Então clique aqui!

2)  Mergulhar a Grande Barreira de Corais  – Austrália:
Quem já mergulhou com cilindro sabe que o primeiro mergulho é chamado de“Batismo” pois bem,  o meu foi neste local de visibilidade perfeita, água morna e peixinhos tão coloridos como seus corais. Depois mergulhei ainda em Noronha e na Nova Zelândia mas a grande barreira de corais continua sendo o lugar mais incrível para mergulho na minha opinião. Saiba mais sobre Austrália aqui!

3)   Sobrevoar o Grand Canyon de Helicóptero – EUA: Incrível e mágico. As cores terracota dos canyons e a dimensão são uma experiência imperdível. Saiba mais sobre EUA aqui!

4)   Passear no mercado flutuante de Bangkok, Tailândia. Vários barquinhos são as “lojas” e vamos passando de barco para comprar frutas, flores, souvenirs. Passei muito tempo planejando a minha viagem a Tailândia e, durante esse passeio que foi uma das primeiras coisas que fiz no país não acreditei que estava finalmente alí. Não sei se pelo passeio em sí ou pelo meu sonho de conhecer a Tailândia, para mim essa experiência valeu demais a pena! Saiba mais sobre Tailândia aqui

5)   Acampar no Kruger Park, na África do Sul: Isso mesmo que você leu, acampar no meio na savana africana sem energia e foi uma das experiências mais reveladoras da minha vida. Ter podido visitar e ajudar a alimentar elefantes órfãos na região foi outra que me marcou muito! Saiba mais sobre África do Sul aqui!

6)   Ficar hospedada no Oberoi de Agra, India. Com vista da varanda do quarto para nada mais nada menos que o Taj Mahal me fez encher os olhos d´agua de emoção. Simplesmente único! Saiba mais sobre Índia aqui!

7)   Ficar em um bangalô em cima da água nas Maldivas. Um sonho. A cor da água, a  sensação, a paz, um lugar para
não esquecer. Confira minhas impressões aqui!

8)    Trabalhar na Disney: Passei 2 meses e meio trabalhando nas lojas da Disney em Orlando e conhecer os bastidores da maior empresa de entretenimento do mundo foi uma das experiências mais incríveis da minha vida. No Brasil, o STB (www.stb.com.br) éo representante pela seleção para os  programas de trabalho temporários na Disney. Saiba mais desse programa aqui!

9)   Morar por 2 meses em Paris, França  e poder visitar um museu diferente a cada dia foi um presente, o máximo! A quantidade de cafés, achados charmosos é  infindável. Super recomendo de preferência fazendo um curso de francês como eu
fiz. Saiba mais sobre a França aqui!

10) Visitar Cusco e Machu Picchu no Peru, Amei!A energia do lugar é muito especial,para mim o lugar mais incrível da américa latina (depois do Brasil, claro!) é uma experiência pertinho da gente que vale demaissssss a pena! Confira minha viagem pro Peru aqui!

Ah, e se Ano Novo é feito de planos e sonhos, existem ainda vários países que desejo conhecer na vida mas espero que em 2015 eu possa conhecer pelo menos um destes lugares: Quênia, Japão, Guatemala ou Islandia…..veremos!!

Alguém já foi? Tem dicas? E vocês? qual país gostariam de conhecer em 2015?

Bjs e até a próxima viagem!

Marina.

#Intercâmbio: Saiba quais 3 melhores cidades do mundo para estudar em 2015

27 de novembro de 2014 | Postado por Marina em Dicas de Viagem

O Instituto QS divulgou o ranking das melhores cidades do mundo para estudar em 2015. As cidades escolhidas tem muitas coisas em comum: Diversidade, segurança, qualidade de vida, padrão acadêmico, oportunidades de emprego, inclusão social e custo de vida.

1)  Paris, França – Confira as nossas postagens sobre esse destino aqui

A 200-year-old law forbidding women to wear trousers in Paris has final been revoked.

2)  Melbourne, Austrália – Confira as nossas postagens sobre este destino aqui

3)  Londres, Inglaterra – Confira nossas postagens sobre este destino aqui

Good news for London students wanting UK work

4)  Sydney, Austrália

5)  Hong Kong, China

6)  Boston, EUA

7)  Toquio, Japão

8)  Montreal, Canadá

9)  Toronto, Canadá

10)   Seoul, Coréia do Sul

E aí? Em qual destas cidades você gostaria de fazer o seu Intercâmbio?

Mais detalhes sobre esse ranking  aqui:

Bjs e até a próxima viagem!

Marina.

Londres Barata: 8 lugares legais para comprinhas na Terra da Rainha

20 de novembro de 2014 | Postado por Marina em Inglaterra

Olá viajantes!

Tudo bom?

Bem, não sou muito consumista então para mim é fácil viajar e voltar com troco para o Brasil e comprar apenas o que eu preciso ou gosto muito. No entanto, sempre escuto essa história que “Ah, na Inglaterra com libra alta não dá pra comprar nada!” Sinceramente não acho a Inglaterra cara. Adoro comer em bons restaurantes e os mais bem cotados estavam, da ultima vez que estive lá, com preços bem parecidos com os de Recife. Para roupa também encontrei produções diferenciadas e com preços excelentes. Principalmente roupas de frio. Listei aqui minha TOP 8 ruas ou bairros onde sempre encontro coisinhas boas bonitas e baratas!

1)   Oxford Street e Regent Street

Repleta de lojas incríveis com marcas internacionais e locais. Nunca deixo de passar na Primark (https://www.primark.com/en/store/oxford-street-east) No final do dia frenético de compras, a mega loja John Lewis além de milhares de departamentos também tem restaurante e um fofo salão de chá . http://www.johnlewis.com/our-shops/oxford-street/john-lewis-oxford-street-store-guide

2)  Carnaby Street

Pertinho da Oxford Street, Carnaby Street tem lojinhas únicas com criações originais e vários achados. É muito gostoso também para comer ou tomar um drink. Aqui não  deixe de ir a loja Liberty http://www.liberty.co.uk/

3)  Convent Garden

Muito vivo e colorido, passear aqui é tão bom quanto comprar ! As pequenas ruas ao redor da Seven dials (http://www.sevendials.co.uk/ ) tem uma atmosfera mais zen já que sai um pouco do burburinho e por isso acho que os preços são um pouco melhores. Depois, vá ao Jamie´s Italian (um dos restaurantes do famoso Jamie Oliver – http://www.jamieoliver.com/italian/restaurants/covent-garden) para uma refeição deliciosa e com preço justo.

4)   Clapham Junction

Mais ao Sul de Londres, aqui você encontra as principais marcas inglesas (Topshop, dorothy perkins, miss selfridge, warehouse e oasis) além dos ótimos restaurantes na avenida principal.

5)  Camden Town

Em um passeio pelo mercado de Camden e suas pequenas lojinhas ao redor você sempre vai encontrar muitos achados e lembrancinhas com a cara de Londres.

6)   Brick Lane
Aqui as lojinhas vintage sempre valem uma visita!

7)   Portobello Road

O mercado de Portobello é conhecido por  achados a preços camaradas. Depois, uma parada no Lisa´s (http://www.lisasportobello.com/ ) para um brunch vai coroar o seu dia.

8)   Westfield

Um grande centro comercial. Uma mini cidade dentro de uma cidade que abriga desde de luxo a marcas mais em conta. Enfim, tem para todos os gostos e bolsos.

Precisando saber mais sobre cursos, acomodações e passagens com descontos para Londres? Fale com o STB! recife@stb.com.br

Bjs e até a próxima viagem!

Marina.

5 coisas que você não deve fazer na Itália

17 de novembro de 2014 | Postado por Marina em Intercâmbio de A a Z

Olá viajantes!

Tudo bom?

Pensando em ir para a Itália a estudo ou lazer, então confira o post que fiz para o portalTagIt

 

bjs e até a próxima viagem!

Marina.

6 apps de viagem que você ainda não tem (mas vai amar!)

17 de novembro de 2014 | Postado por Marina em Dicas de Viagem

Olá viajantes!

Tudo bom?

As férias estão chegando! Quem está fazendo as malas? Se você está se preparando para curtir os dias off, não deixe de conferir os aplicativos que sugeri na minha coluna do PortalTagIt desta semana aqui: – eles certamente deixarão suas viagens ainda melhores!

1) Viajante Esperto: quem nunca passou pela situação de chegar no aeroporto e descobrir que o vôo estava atrasado? Poxa! Você bem que poderia ter almoçado com mais calma ou ter descansado no hotel antes de fazer o check out… Da próxima vez, fique atento: com o Flight +, você recebe atualizações sobre atrasos de vôos em mais de 16000 aeroportos no mundo.

2) Viajante Localizado: quer saber qual é o transporte público disponível que te leve da balada até a sua acomodação, esteja você em Londres ou Los Angeles? Metro, ônibus, trem ou todas as alternativas? Com mais de 65 cidades na Europa e América do Norte, com TrasitApp você poderá ver a melhor rota e também o horário que precisa sair da “night” para conseguir pegar o transporte público e economizar com o táxi.

3) Viajante Conectado: Vôos longos e com conexões? Quer dar uma paradinha para tomar um banho ou ter acesso a internet ilimitada wi-fi? Com o aplicativo Loungebuddy você ficará sabendo dos lounges gratuitos ou que podem ser pagos in loco em mais de 500 aeroportos no mundo.

4) Viajante “em casa” mundo afora: Claro que viajar e conhecer os melhores restaurantes é muito bom sempre, mas imagina ter uma experiência gastronômica na casa de nativos? Baixe agora mesmo o EatWith para ir jantar uma comida típica na casa de alguém em mais de 30 países. Os preços variam entre R$ 60 e R$ 300.

5) Viajante Feliz: Vôos baratos podem vir com alguns inconvenientes, como muitas paradas e conexões, sempre cansativas e estressantes! Este aplicativo utiliza o critério felicidade para priorizar aqueles que terão a melhor logística aliada ao melhor preço. Baixe agora mesmo gratuitamente o RouteHappy!

6) Viajante em forma: Viajar, experimentar novas comidas e não perder a forma, tem coisa melhor? Na onda das corridas e maratonas que estão super em alta, o aplicativo WalkJogRun vai te indicar ótimas rotas em milhões de lugares no mundo. Você pode selecionar a sua corrida por duração, nível de dificuldade ou até pesquisar por trajetos em lugares históricos, além de ter uma indicação dos melhores lugares para lanchar após a corrida. Integrado ao GPS, ele também garante que você não irá se perder!

Bjs e até a próxima viagem!
Marina.

Sozinhos ou acompanhados dos pais: “Crianças, já para o Intercâmbio!”

06 de outubro de 2014 | Postado por Marina em Intercâmbio de A a Z

Olá viajantes!

Tudo bom?

Colaboramos com uma matéria sobre intercâmbio para crianças de 8 – 12 anos no portal Leia Já!

Pensando em fazer um intercâmbio com seus filhos pequenos ou, de repente, querendo enviá-los sozinhos (mas com total supervisão da escola) para um intercâmbio de férias? Confira esta matéria aqui!

bjs e até a próxima viagem!

Marina

STB promove hoje Palestra com o tema Intercâmbio e empreendedorismo como diferenciais competitivos:

24 de setembro de 2014 | Postado por Marina em Feiras e eventos de Intercâmbio

Olá viajantes!!

Tudo bom?

Passando para convidar vocês para um evento muito legal que vai acontecer hoje  aqui em Recife Às 19h no auditório da FBV

 

 

 

Planejando o seu High School no Exterior:

14 de agosto de 2014 | Postado por Marina em Colegial no Exterior - High School

 O programa High School é um dos maiores presentes que os pais podem dar aos seus filhos, pois proporciona ao jovem a oportunidade de vivenciar a autonomia e mostrar que ele tem toda a responsabilidade para lidar com ela. Entretanto,
antes de decidir realizar esse sonho, o STB – Student Travel Bureau, líder no segmento de educação internacional, recomenda aos pais planejar a viagem com o máximo de antecedência possível.

Segundo a gerente de High School do STB, Renata Santana, a infraestrutura das escolas de ensino médio do Canadá, Estados Unidos, Inglaterra, Suíça, Austrália, Nova Zelândia, Alemanha, Espanha, França, Holanda e Irlanda, aliada à qualidade de vida desses países, tem atraído a atenção dos pais, preocupados com a formação educacional e pessoal de seus filhos. E também o interesse dos estudantes do ensino médio, que desejam adquirir experiência internacional já pensando na carreira.

“Pesquisar sobre a escola, o país e o estilo de vida da cidade escolhida para o estudo, reunindo relatos de ex-alunos, faz toda a diferença no planejamento do intercâmbio. Aconselhamos também iniciar uma poupança mensal voltada à viagem, pois além dos gastos com documentação, curso, acomodação e passagem aérea, recomendamos o envio mensal de US$ 300 a US$ 500 para gastos com almoço, transporte e material escolar”, explica Renata.

O STB orienta ainda a ter toda a documentação em dia: passaporte, assistência médica internacional, carteira de vacinação e histório escolar. Além disso, é importante conversar com a coordenadora da escola do seu filho no Brasil, visando ajudar a definir quais matérias cursadas no exterior poderão ser aproveitadas no retorno.

Para facilitar a adaptação do estudante, o STB aconselha que os pais conversem com os filhos sobre possíveis diferenças culturais, evitando a confusão entre saudade de casa e dificuldade de integração. “É importante acostumar o filho com afazeres domésticos, como arrumar a cama e manter o quarto organizado. Além disso, é interessante que eles estudem a história do Brasil, porque os colegas de sala vão perguntar”, salienta Renata.

Relato de intercambista

Alguns jovens gostam tanto da experiência que decidem dar continuidade aos estudos no exterior. É o caso de Camila França, brasileira que embarcou para cursar o ensino médio em Kent, cidadezinha próxima a Brighton, acabou terminando os estudos por lá, e atualmente está se graduando em administração numa universidade inglesa.“Eu me adaptei facilmente ao modo de vida inglês, e fazer amigos do próprio país foi essencial para aprender a falar a língua fluentemente. Sinto-me muito mais segura voltando para o Brasil com uma graduação internacional no currículo, e não descarto a possibilidade de cursar pós-graduação na Inglaterra, depois de concluir a faculdade. É claro que sinto falta de minha família e do clima brasileiro, mas contorno as saudades viajando para meu país durante as férias”, conta Camila. Continuar lendo

Página 1 de 4512345...102030...Última »